Regiões Tradicionalistas definem novos coordenadores até o dia 7 de dezembro

            As 30 Regiões Tradicionalistas do Rio Grande do Sul definirão, até o dia 7 de dezembro, seus novos coordenadores. A escolha se dá por meio de votação das entidades tradicionalistas filiadas e o mandato é de um ano.

            Segundo o presidente do MTG, Nairo Callegaro, as Regiões Tradicionalistas são órgãos descentralizadores das atividades do MTG e os novos coordenadores serão empossados no Congresso Tradicionalista, previsto para 12 a 14 de janeiro no município de São Jerônimo.

            O Coordenador Regional é o Administrador da Região Tradicionalista e é responsável por  supervisionar as atividades da Região; nomear auxiliares; convocar e presidir os Encontros Regionais; integrar a Convenção Tradicionalista e orientar os filiados para o cumprimento das finalidades e o atendimento aos princípios do MTG. Também são responsabilidades do Coordenador Regional, entre outras, articular as entidades filiadas na elaboração de suas programações, prestar assistência e orientação aos filiados e promover o entendimento e a cooperação entre as entidades filiadas.


Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar