47º FESTIVAL DA BARRANCA - RESULTADO


Violão, chimarrão e o rio Uruguai são símbolos do Festival da Barranca.                     Foto: Brodinho
Como acontece todos os anos, desde 1972, sempre no final da Semana Santa, um contingente expressivo de personagens do universo poético-musical do Rio Grande do Sul, se reúne ás margens do rio Uruguai, em São Borja, para as tradicionais atividades do Festival da Barranca, que em 2018 alcança a sua 47ª edição. 
Como de costume, na sexta-feira foi divulgado o tema sobre o qual deverão ser compostas as músicas. Pra esta edição, o tema escolhido foi "A Força da Voz”.
No sábado todas as músicas foram apresentadas e os destaques são os seguintes:
Primeiro Lugar:  A FORÇA DA NOSSA VOZ
Autores: Nenito Sarturi/Nilton Ferrira/Dhionatan Farias
Interpretação: Nilton Ferreira
Segundo Lugar: DA VOZ SOU
Autor: Sérgio Rojas
Interpretação: Sérgio Rojas
Terceiro Lugar: A VOZ E A PALAVRA
Autores: Gustavo Brodinho/Duca Duarte
Interpretação: Brodinho
Melhor Letra:  NO SILÊNCIO DOS PAPÉIS
Autor: Juca Moraes
Cigarra do Festival: GUILHERME CASTILHOS

Fonte: Dhouglas Umabel